quarta-feira, julho 16, 2008

BATOTA! BATOTA!

Segundo a CNN.com a operação militar do exército Colombiano que levou à libertação da Ingrid Betancourt e dos restantes 14 reféns das garras das FARC, pode ter sido um crime de guerra, na medida em que terá sido usado o símbolo da Cruz Vermelha International para ludibriar os guerrilheiros, violando assim a Convenção de Genebra, na medida em que isso pode perigar futuras acções humanitárias, tanto na Colômbia como noutros teatros de guerra.

Se assim é, o que dizer do uso de "ambulâncias" devidamente identificadas como tal para transportar armas e terroristas, prática comum de grupos como o Hamas e outros que tais?

Lá está, na guerra contra o terrorismo as regras são mais difícies de se aplicar, certo?

Não tarda nada as FARC vão reclamar a devolução dos reféns ao abrigo de convenções que eles não só desconhecem como desprezam...

4 Comments:

Blogger L. Rodrigues said...

E como as FARC não respeitam, é legitimo comprometer um estatuto que permite em cenários de conflito mais convencional salvar vidas inocentes independentemente de que lado estejam.
É de aplaudir, de facto...

7/16/2008 11:35 da tarde  
Blogger Jacinto said...

Isso não pode ser levado a sério.
Devem estar a referir-se à guerra do Solnado...

7/17/2008 4:39 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Crimes de guerra? mas para isso não é necessário estar em guerra?

que eu saiba ainda não se reconheceu o estatuto de nação às FARC, nem o de guerra civil à situação na Colômbia...

aliás, a última vez que vi as FARC eram consideradas como um grupo terrorista...

7/18/2008 9:35 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Pois é. As FARC são terroristas e muito amadas pelos comunistas - que também são terroristas - como o atesta o PCP. Pois, mas esses são portugueses de cédula que não Poortugueses de Lei.

Nuno

7/19/2008 5:45 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

BlogBlogs.Com.Br