terça-feira, setembro 11, 2007

Pontapés na Língua


Após umas merecidas férias, voltamos ao contacto dos leitores com mais uma pontapérola. Desta vez, muito subtil: não há nada de incorrecto, gramaticalmente falando; mas em termos comunicacionais, é um autêntico 11 de Setembro. Ah, e é uma tradução. Num documentário de vida animal.



Quando a víbora da Papua ataca, as suas presas
saem do invólucro protector.



Perdão?!?

4 Comments:

Blogger L. Rodrigues said...

Eu diria que é um azar comunicacional... Presas/dentes, presas/vítimas... O português é cheio de equívocos, quando o vocabulário não estica.

9/11/2007 3:10 da tarde  
Anonymous Joe Bernard said...

Eu próprio já enviei para o National Geographic um protesto pelas péssiams traduções que fazem.
Ainda por cima, podiam legendar, assim sempre tinhamos o original em inglês...
Mas não, é falado em português... para mal dos nossos pecados.
Mas o Discovery é igual, só que temos a sorte de ser legendado e assim podermos seguir o programa na língua original!

9/11/2007 4:17 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Quem é essa gaja? É a Papua Jardim?

9/11/2007 6:37 da tarde  
Anonymous Marta said...

Tenho uma dúvida: o invólucro é protector para quem?

Concordo com o problema das traduções. Há canais cabo que é como se não estivem lá, porque na prática não se podem ver.


I Rodrigues:
O vocabulário é enorme, é preciso é saber usá-lo.

9/11/2007 11:14 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

BlogBlogs.Com.Br