terça-feira, dezembro 04, 2007

Mundial a PQVP!


O rapaz madaíl parece que agora quer o Mundial de clubes no torrão. Diz ele, antes que lhe atirem à cara com o dispêndio-vilipêndio dos estádios do Euro, aliás, dos Euros, que a coisa servirá para os rentabilizar. Mas eu não vou nisso, porque sei que vou ser eu outra vez a pagar a megalomania do menino com IMIs, IVAs, IRSs, e o diabo que os carregue. Sim, que o Desgoverno adora isto, e apoia o Madaíl, e faz-nos pagar com língua de palmo, o que quer que queira dizer esta curiosa experessão idiomática, os desvarios do tipo. Panis futebolensis. Não pode ser só Fátima a encher os ecrãs 24/24. E então, o impacto, e a visibilidade, a maldita visibilidade que o evento nos dá, e é impossível aquilatar o impacto que o evento exercerá na marca Portugal. Conversa de profissionais do sexo, é o que é.
O raio que vos parta. Quero mais é que nasça subitamente um embondeiro no traseiro ao Madaíl. Não quero mais campeonatos mundiais de porríssima nenhuma. Vá lá, só se for daquele desporto em que se manda um camping gaz a deslizar pelo gelo com duas tipas de esfregona a limpar a passadeira. Mas em vez do camping gaz, ponham a cabeça do madaíl, depois de lhe rapar a pêra de bancário, por causa do atrito.

12 Comments:

Blogger RICARDO PINHEIRO ALVES said...

Jorge, ia perguntar o que é o PQVP mas estou com medo da resposta.

Quanto ao resto concordo plenamente com o embondeiro e com os campeonatos para as urtigas. Gastamos dinheiro com os estádios e agora temos de gastar mais para os rentabilizar. Portugal deve ser o único país do mundo onde mais gastos aumentam a rentabilidade.

12/04/2007 2:06 da tarde  
Blogger jorge lima said...

Não perguntes.
Quanto aos espécimes vegetais, podia perfeitamente, quiçá com vantagem, substituir-se o embondeiro pelas urtigas.

12/04/2007 2:24 da tarde  
Blogger RICARDO PINHEIRO ALVES said...

Com vantagem para quem? para o rapaz da pêra de bancário?

12/04/2007 2:31 da tarde  
Blogger jorge lima said...

Não, com vantagem para o embondeiro.

12/04/2007 2:35 da tarde  
Blogger nuno pombo said...

Que brutalidade, rapazes!

12/04/2007 3:36 da tarde  
Blogger RICARDO PINHEIRO ALVES said...

O "pêra de bancário" não se queixa.

12/04/2007 3:52 da tarde  
Blogger jorge lima said...

O marginal só se queixa quando é preso. Quem se queixa são as vítimas.

12/04/2007 4:11 da tarde  
Anonymous marta said...

Caríssimo

Suponho que a expressão que precedeu a "língua de palmo" é a "palmo e meio de língua fora". Se visualizar a coisa, verá que se encaixa perfeitamente no seu argumento.

12/05/2007 7:43 da tarde  
Blogger jorge lima said...

Marta Dear:

Estou assim a modos que meio obtuso. Explique lá como se eu fosse muito inteligente.

12/05/2007 9:25 da tarde  
Anonymous marta said...

Jorge dear

Não sei que lhe diga... como é que quer que lhe explique uma coisa destas?

Como é que se explica a situação de um indivíduo com um palmo e meio da sua língua fora da boca?

Estou a contar com a sua inteligência, visualise!

12/06/2007 12:23 da tarde  
Blogger jorge lima said...

OK, a ver se é isto: eu percebi «precedeu» como referindo-se à posição no meu texto. Mas se calhar usou-a no sentido de «antecedeu» no uso pelas pessoas como expressão idiomáticas. Se não for, poupe-me à humilhação...

12/06/2007 2:04 da tarde  
Anonymous marta said...

:-)

Sim, é isso mesmo - antecedeu.
Ou, dito de outra forma, é a expressão que a minha mãe costuma usar e, como é mais longa e, suponho, mais ligada às expressões originais, uma vez que provém do interior desquecido e ostracizado, parece-me a mim que a minha versão precede a sua e, hereusement, explica-a.

12/06/2007 7:30 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

BlogBlogs.Com.Br